Francislania Cruz

Francislania Cruz

Francislania Cruz
Más ideas de Francislania
Ainda é medo para dizer que já é tarde.

Ainda é medo para dizer que já é tarde.

Amor é fogo que arde sem se ver É ferida que dói e não se sente É um contentamento descontente É dor que desatina sem doer  É um não querer mais que bem querer É um andar solitário entre a gente É nunca contentar-se de contente É um cuidar que se ganha em se perder  É querer estar preso por vontade É servir a quem vence o vencedor É ter com quem nos mata lealdade  Mas como causar pode seu favor Nos corações humanos amizade Se tão contrário a si é o mesmo amor?

Amor é fogo que arde sem se ver É ferida que dói e não se sente É um contentamento descontente É dor que desatina sem doer É um não querer mais que bem querer É um andar solitário entre a gente É nunca contentar-se de contente É um cuidar que se ganha em se perder É querer estar preso por vontade É servir a quem vence o vencedor É ter com quem nos mata lealdade Mas como causar pode seu favor Nos corações humanos amizade Se tão contrário a si é o mesmo amor?

A quem você oferecerá o direito a partilhar alguns dos momentos mais importantes da sua vida – e que receberá, atônito ou comovida, a honra do seu amor. Estar com ele ou com ela será infinitamente melhor do que jogar as mãos para o alto e desistir. Aliás, como regra não se desiste da vida, nem das coisas que a tornam importante...

A quem você oferecerá o direito a partilhar alguns dos momentos mais importantes da sua vida – e que receberá, atônito ou comovida, a honra do seu amor. Estar com ele ou com ela será infinitamente melhor do que jogar as mãos para o alto e desistir. Aliás, como regra não se desiste da vida, nem das coisas que a tornam importante...

Queremos que nos caia do céu um romance arrebatador, pronto e completo, sem contradições ou dúvidas. Sem defeitos constrangedores também. Exigimos ser amados pelo que somos, mas estabelecemos condições elevadas para amar. Tendemos, de forma tola, a nos apaixonar pela beleza, pelo charme, pelo riso. Apostamos no clichê e na superfície, mas aspiramos ser tratados de outro jeito: queremos ser apreciados pela profundidade dos nossos sentimentos e por nosso caráter...

Queremos que nos caia do céu um romance arrebatador, pronto e completo, sem contradições ou dúvidas. Sem defeitos constrangedores também. Exigimos ser amados pelo que somos, mas estabelecemos condições elevadas para amar. Tendemos, de forma tola, a nos apaixonar pela beleza, pelo charme, pelo riso. Apostamos no clichê e na superfície, mas aspiramos ser tratados de outro jeito: queremos ser apreciados pela profundidade dos nossos sentimentos e por nosso caráter...

O rio atinge seus objetivos, porque aprendeu a contornar os obstáculos.

O rio atinge seus objetivos, porque aprendeu a contornar os obstáculos.

Suba o primeiro degrau da fé. Você não tem que ver toda a escadaria antes de subir o primeiro degrau.

Suba o primeiro degrau da fé. Você não tem que ver toda a escadaria antes de subir o primeiro degrau.

E assim, aos poucos, ela se esquece dos socos, pontapés, golpes baixos que a vida lhe deu, lhe dará. A moça levanta e segue em frente. Não por ser forte, e sim pelo contrário: por saber que é fraca o bastante para não conseguir ter ódio no seu coração.

E assim, aos poucos, ela se esquece dos socos, pontapés, golpes baixos que a vida lhe deu, lhe dará. A moça levanta e segue em frente. Não por ser forte, e sim pelo contrário: por saber que é fraca o bastante para não conseguir ter ódio no seu coração.